Pular para o conteúdo principal

O monstro da procrastinação


A procrastinação é o monstro de algumas pessoas,incluindo eu mesma,mas o que eu não sabia(ou fingia não saber) é que a procrastinação é um modo de se auto sabotar,porque se você deixa pra amanhã o que você TEM que fazer hoje a única pessoa prejudicada é você mesmo.

Veja bem não estou falando de quando nós ficamos nervosos e queremos fazer tudo de uma vez,não.Estou falando sobre aquela oportunidade que você deixou passar porque "não queria mesmo" ou aquela coisa que você foi arrastando com a barriga e depois se pergunta "porque eu ainda não fiz isso"?

Acho que tem vários motivos pra  toda essa enrolação,possivelmente a tarefa que temos que fazer e entediante,o que com certeza faz com que seja mais difícil de realizá-la,então se ela não for realmente necessária,porque não deixar pra lá?

Também tem a possibilidade de medo de fracassar,que não vai dar certo e que esse tipo de coisa não é pra gente.Tem coisas realmente que é quase impossível como ir para lua por exemplo,mas tem coisas que não.Como escrever um livro,cantar,dançar,atuar em uma peça,perder peso,aumentar a auto estima,encontrar um amor,enfim,eu acho que quando empregamos de fato esforço em algo nós geralmente conseguimos alcançar isso.

É claro que vão ter fracassos é claro que vamos tropeçar e talvez até cair,mas então vem uma coisa chamada evolução,nossos erros nos levam a isso,à uma aprendizagem.

Caso você seja uma pessoa tão enrolada quanto eu,se organize,caso você seja tão insegura(o) quanto eu aprenda a gostar de você,e de se arriscar mais nas suas escolhas,nos temos o tempo do agora,vamos usá-lo do jeito certo.







Postagens mais visitadas deste blog

A menina guerreira

A menina empunhava uma espada,vestia uma armadura e lutava,mas a mim parecia ser contra seres invisíveis,ela continuava a lutar e no seu rosto havia uma bravura selvagem ele nem se fadigava,aos poucos eu comecei a ver formas meio embasadas que falavam e a rodeavam.

Rindo e zombando "menininha fique quietinha" "você tem que crescer minha querida,não pode ser criança para sempre" ,"você não quer ser triste você não quer ser louca você não quer ser má", "O mundo é feio é muito grande para gente pequena"

A menina continuava a lutar,lutar como se sua vida estivesse em jogo,um dos monstros cantarolou "você não tem voz, você não tem voz...",de repente eu conseguia ver todos claramente,todos eles inclusive a menina que antes desconhecia o rosto,e com espanto percebi que aquela sou eu,mas eu cresci e sou uma mulher agora.

A menina me olhou com uma estranha mistura de desespero e compaixão, compaixão... por mim por nós, pela coragem de criança …

Resenha do livro Interferências

Autor: Connie Willis  Ano de Lançamento: 2018  Nº de páginas: 464  Editora: Suma de Letras  ISBN: 9788556510570
Sinopse: Em um futuro não muito distante, um simples procedimento cirúrgico é capaz de aumentar a empatia entre os casais, e ele está cada vez mais na moda. Por isso, Briddey Flannigan fica contente quando seu namorado, Trent, sugere que eles façam a cirurgia antes de se casarem — a ideia é que eles desfrutem de uma conexão emocional ainda maior, e que o relacionamento fique ainda mais completo. Bem, essa é a ideia. Mas as coisas acabam não acontecendo como o planejado: Briddey acaba se conectando com outra pessoa, totalmente inesperada. Conforme a situação vai saindo do controle, Briddey percebe que nem sempre muita informação é o melhor, e que o amor — e a comunicação — são bem mais complicados do que ela esperava. 

Ei gente, quanto tempo não?A faculdade e a vida estão me sugando então I'm sorry. Então não há jeito melhor de voltar ao blog que uma resenha de um livro que foi…

Resenha O Apanhador no Campo de Centeio

Autor: J.D.Salinger Editora: Editora do autor Páginas:208 Ano:1951
Sinopse: "Fico imaginado uma porção de garotinhos brincando de alguma coisa num baita campo de centeio.Milhares de garotinhos e ninguém por perto;quer dizer ninguém grande,a não ser eu.E eu fico na beirada de um precipício maluco.Sabe o que eu tenho que fazer?Tenho que agarrar todo mundo que vai cair no abismo.Quer dizer se um deles começar a correr sem olhar pra onde está indo,eu tenho que aparecer de algum canto e agarrar o garoto.Só isso que eu vou fazer o dia todo.Ia ser só o apanhador no campo de centeio.Sei que é maluquice,mas é a única coisa que eu queria fazer..." Minha opinião sobre o livro:
Bom primeiramente eu devo dizer que a primeira vez que eu li esse livro não entendi nada,é isso aí não compreendi o que o autor queria passar.No entanto eu acho que cada livro que nós lemos é melhor lido em uma determinada época ou situação de vida.
O Apanhador no Campo de Centeio  foi um livro certo pra mim,mas apena…